Browsing Category

Dicas

#chaversário, Aniversário, Casamento, Comemorações, Dicas, Festas

{#chaversário} Como organizar uma festa pequena? ♥ Parte 3

Parte 1 | Parte 2

Aeeeeee, Parte 3 da série “Como organizar uma festa pequena” e hoje vou passar pra vocês uma listinha de fornecedores/itens, enfim, como você quiser chamar.

É importante dizer que essa é uma lista meio genérica. Pode ser que alguns itens você não tenha interesse e que eu não coloque algum que você queira. Segue a vida.

A lista não está em ordem de prioridade, é uma sequência aleatória que meu cérebro de grávida conseguiu pensar.

  1. Doces: Vai ter uma mesa de doces ou os doces estarão na mesa de bolo? Você vai contratar alguém para fazer os doces ou você mesma vai fazer? Vai ter quais doces: brigadeiro, beijinho, cupcake, cajuzinho, pipoca doce, bolos simples?
  2. Bolo: Em algum momento o bolo “de verdade” vai estar na mesa do bolo ou você prefere expor somente o bolo fake e cortar o bolo “de verdade” na cozinha depois dos parabéns? Você vai contratar alguém pra fazer ou você da conta? Vai ser a mesma pessoa que vai fazer os docinhos pra tentar fechar um pacote e conseguir um desconto?
  3. Salão/Espaço: Onde vai ser? No salão de festas do seu prédio? Na sua casa/quintal? Vai alugar um local? Tem que ter brinquedo nesse lugar? O salão já tem mesas e cadeiras?
  4. Descartáveis: Olha aí um item que pode facilmente ser esquecido mas que é MUITO importante! Você vai comprar do mais simples? Vai comprar combinando com as cores da decoração? Vai seguir um tema? Quantos copinhos, pratos, talheres vai precisar? DO QUE vai precisar? ATENÇÃO: importante saber do que vai precisar e a quantidade. Se for ter bolo simples na mesa de doces você vai precisar de um número bem maior de pratinhos, por exemplo, então não é somente levar em conta o número de convidados e sim o número de comidinhas e bebidas que será necessário utilizar aquele item descartável.
  5. Decoração: Fechou com o fornecedor? Você mesma vai fazer? Viu se as mesas da decoração cabem no salão de festas? Já definiu tema/cores, disposição dos itens, horário de montagem, desmontagem, etc?
  6. Mesas e cadeiras: Caso no salão não tenha mesas e cadeiras, ou não tenha o número suficiente para a sua festa, vai ser necessários contratar mesas e cadeiras a parte. Geralmente é algo bem simples de conseguir, mas não deixe pra última hora pra evitar que a lei de murphy seja sua melhor amiga.
  7. Foto e Filmagem: Muitas pessoas não dão a atenção devida nesse item e pensam “ah, mas os convidados tiram foto, filmam e me mandam”, “ah, meu sobrinho vai tirar foto com o iphone 7 plus master blaster dele”, etc. Gente, GEN-TE: se vocês tiverem condições contratem pelo menos a parte de fotos profissionais para a sua festa. São essas as lembranças que você vai ter pra guardar e olhar sempre que quiser. Se tiver grana pra contratar foto e filmagem: contrate. Caso realmente não tenha condições peça para algum familiar ou amigo ficar responsável pelas fotos e pequenos vídeos. Muitas vezes a gente acha que todo mundo vai tirar fotos e no fim ficamos sem nenhuma.
  8. Lembrancinhas: Hoje em dia existem centenas de opções, para todos os gostos e bolsos.
  9. Comidas e bebidas: vai ter salgadinho? lanchinho? pizza? almoço? Suco? Refrigerante? Bebida alcoolica? Tem que pensar em tudo isso com antecedência pra se organizar e contratar/fazer o que precisa.
  10. Papelaria Personalizada: Hoje em dia é praticamente item obrigatório né? Dão um toque super especial na festa e na decoração. Pode ser feito os centros de mesas, lembrancinhas, topo de bolo, topper de doces, plaquinhas, convite, os próprios itens adicionais da decoração e assim vai…
  11. Itens extra: nesse item acho importante colocar “onde vai o que?”. Exemplo: você vai fazer uma mesa só de doces? Então precisa ter a mesa, certo? E onde vai colocar os doces: nos próprios potes, em potes que você tem em casa, vai alugar? Onde as pessoas vão comer os doces: em pratinhos, potinhos? Tem que comprar. E assim por diante, com cada item que vai ter na festa.
  12. VELA!!!!!! Acho que o item mais esquecido em todos os aniversários é a coitada da vela. Ou a gente nem compra ou compra e esquece! haha
  13. Fogo pra acender a vela: vale fósforo, isqueiro, qualquer coisa.
  14. Faca (ou qualquer coisa) pra cortar o bolo: vai me dizer que você nunca foi numa festa que esqueceram justamente disso? haha

E acho que é isso gente!

Espero ter ajudado vocês do jeito que me autoajudei sem querer pra organizar o #chaversário hahaha

Gostou? Compartilhe:

    #chaversário, Aniversário, Casamento, Comemorações, Dicas, Eventos, Festas, Sem categoria

    {#chaversário} Como organizar uma festa pequena? ♥ Parte 2

    falei aqui pra vocês sobre como começar a organizar uma festa pequena. Fiz uma listinha com tudo que a gente precisa pra não transformar a festa em um pesadelo no meio do caminho.

    Hoje, como prometido, vou dar algumas dicas de como economizar na organização da festa. Espero que gostem!

    1. Pesquise! Pesquisar é a chave pra economizar em qualquer coisa na vida e não seria diferente com uma festa. Existem dezenas de fornecedores do mesmo segmento, então, não tenha preguiça de pesquisar. Faça uma lista com todas as empresas que te agradam, peça orçamento e faça uma nova lista com todas as empresas dentre essas que estão dentro do seu limite de gastos. É muito importante levar em consideração as indicações. Na era da internet uma coisa legal é ler as avaliações do fornecedor na página deles do Facebook. Outra coisa muito válida é pedir indicação para amigos e conhecidos.
    2. Procure alternativas de espaços para festa! Caso o orçamento esteja bem apertado (ou você tenha uma das opções a seguir) uma ótima ideia é fazer a festa no salão de festas do condomínio ou na casa/quintal de algum familiar/amigo, etc. Outra dica é pesquisar salões mais simples, com promoção, ou então salões “crus” já que nem sempre precisamos dos brinquedos disponíveis ou de uma estrutura excelente. Temos sempre que analisar o custo benefício.
    3. Em caso de festa infantil, pesquise aluguel de brinquedos! Essa dica complementa a de cima: as vezes vale mais a pena alugar um salão mais simples e alugar a parte brinquedos de empresas especializadas do que alugar tudo junto.
    4. Faça você mesmo! É claro que o ideal é tirarmos a nossa responsabilidade dos itens da festa pra não ter dor de cabeça, mas, nem sempre isso é possível. As vezes o dinheiro está contado e é mais vantagem a gente escolher algumas coisas para colocar a mão na massa. Pode ser os doces, o bolo, alguns itens da decoração, lembrancinhas, etc.
    5. Economize no buffet! O sonho de todo ser humano é ter grana o suficiente pra contratar buffet até pro chá da tarde entre as amigas, isso ninguém pode negar. Porém, isso tem um custo, então devemos priorizar algumas coisas e excluir outras. Uma dica é dispensar o serviço completo de buffet e ter mesas onde os convidados podem se servir. Caso algum convidado reclame da falta do serviço você já sabe quem excluir da lista na próxima festa.
    6. Escolha bem o cardápio! Eu estou levando em consideração que você é da mesma vibe que euzinha: amante de comida boa, simples e barata. A partir disso temos algumas opções bem interessantes para a festa: salgados, cachorro quente, buraco quente, pipoca, bolos simples, tortas, misto quente, lanchinho natural… Você pode, por exemplo, comprar salgados em menor quantidade do que se na festa tivesse “só” eles e caprichar em uma mesa com cachorro quente, misto quente, enfim, lanchinhos que você mesma pode arregaçar as mangas e fazer. Esse tipo de comida enche e agrada e os convidados ao mesmo tempo.
    7. Economize no convite! Pode parecer uma coisa besta e pequena mas qualquer economia é bem vinda não é mesmo? Hoje em dia ninguém liga mais para convites de papel, principalmente em pequenas comemorações. Uma arte digital bonita já basta e você consegue enviar para os convidados por WhatsApp, email, facebook… Além de economizar na impressão em si você ainda economiza gasolina (que está pela hora da morte!) evitando ir na casa de cada um dos convidados.
    8. Decoração mais simples ou alugue e monte! A decoração (principalmente da mesa de bolo) é um dos itens mais importantes da festa. É lá que a maior parte das fotos serão tiradas, que os convidados vão reparar e que você vai guardar como lembrança pra sempre na memória. Aqui temos duas opções para economizar: contratar um fornecedor de decoração e escolher dentre as opções uma mais simples, que caiba no seu orçamento. Desse jeito você conta com o serviço profissional e não tem que se preocupar na hora de montar a festa. As vezes, a decoração pode ser mais simples, com menos itens, e você pode complementar com itens de decoração que você tem na sua casa, brinquedos das crianças, doces, etc. Outra opção é dar uma olhada nas lojas que alugam itens de decoração e fazer você mesma. Nessas lojas tem de tudo: mesas, decoração de mesa, bolo fake, painel, etc. Você escolhe os itens que quer (geralmente com ajuda dos funcionários, o que facilita muito) e paga por cada um separadamente. No dia é você quem monta do jeito que quiser no local da festa. Acho que nesse caso não existe uma opção melhor que a outra, vai depender da sua vontade, disposição e do que for melhor no seu caso.
    9. Defina a sua prioridade! Cada um de nós prefere uma coisa, gosta mais de uma coisa e tem uma prioridade quando se trata de festa. Você pode, por exemplo, preferir caprichar no cardápio e se virar com o resto. Preferir uma decoração mais bonita, com mais itens e fazer você mesma as comidinhas. Preferir pagar um fotógrafo profissional para ter lembranças bem bonitas da festa, etc… É uma questão de escolha muito pessoal, mas a opção aqui é: defina a sua prioridade, gaste mais nela e arrume alternativas para o restante.
    10. Diminua a lista de convidados! Essa é a melhor opção de todas para todo e qualquer tipo de festa. Geralmente acabamos convidando algumas pessoas “por obrigação” e isso não existe. É chato ter pessoas na festa que você não queria convidar mas se sentiu obrigado por um motivo ou outro e isso sempre gera arrependimentos. Cada convidado que você exclui da lista é um dinheirinho a mais pra caprichar na festa e fazer algo melhor pra quem  você realmente gosta, pense nisso.

    Gostaram das dicas? Em breve sai a Parte 3 ♥

    Gostou? Compartilhe:

      #chaversário, Aniversário, Casamento, Comemorações, Dicas, Festas

      {#chaversário} Como organizar uma festa pequena? ♥ Parte 1

      Quem me acompanha na conta pessoal @daicravo ou no ig @festinhazinha sabe que em Setembro farei um #chaversário aqui em São José dos Campos, onde vou comemorar junto o meu aniversário de 28 aninhos + o chá de bebê da Carol ♥

      No meio dessa loucura toda que é correr atrás de fornecedores, parceiros, organizar, fazer lista de convidados, escolher tudo, percebi que seria uma boa ideia um post aqui no blog tentando ajudar vocês a organizar uma festa pequena, do jeito que será a minha. Espero que vocês gostem!

      Nesse primeiro post vou deixar uma listinha de coisas que não podem passar batido e que são essenciais pra gente começar a se organizar:

      • Lista de convidados: é sempre a pior parte, a que dá mais confusão, porém, também é a mais necessária. É a partir do número de convidados que vamos ter noção de todos os outros itens dessa lista. Uma dica bem importante é: chame as pessoas que você realmente gostaria de chamar. Não tem nada pior que chamar por obrigação e são geralmente esses convidados que dão problema.
      • Defina data e horário: É a segunda tarefa mais difícil, ainda mais se não for aniversário, porque aí a gente fica perdida em dia, mês, tudo. Como você já terá feito a lista de convidados tente encontrar um dia da semana que a maioria possa comparecer sem maiores problemas. Geralmente é no sábado a noite, mas pode variar.
      • Defina o local: Já que é uma festa pequena você pode optar por fazer no salão de festa do seu prédio, na casa da sua vó, etc. Mas caso queira alugar um salão é importante entrar em contato o quanto antes porque as datas de final de semana costumam ser bem disputadas, principalmente nos salões menores.
      • Defina o tema/cores: Pode parecer uma bobeira mas praticamente todos os fornecedores vão precisar dessa informação. Se for uma festa infantil defina um tema junto com a criança. Sim, tem que ser um tema que ela goste, afinal, a festa é dela. Caso seja aniversário de adulto, noivado, chá, etc, defina as cores. Vai servir pra decoração, bolo, docinhos, papelaria, etc.
      • Defina o seu orçamento para a festa: O país não está passando por um período fácil, então, é necessário definir sim um orçamento total para a festa e fazer de tudo para não ultrapassar. O mais importante aqui é ser realista. Se você tem R$100 pra fazer uma festa não pode querer itens de uma festa de R$1.000 e assim por diante.

      É importante dizer que existem profissionais e serviços de todos os valores. E nem sempre o mais barato é o pior e o mais caro o melhor. É preciso pesquisar, procurar indicações, ver fotos de trabalhos reais de cada fornecedor e colocar tudo na ponta do lápis.

      Apesar de estarmos numa época que a tecnologia domina eu não abro mão do velho papel e caneta pra anotar e organizar tudinho quando se trata de orçamentos, prós e contras.

      Se organizar é fundamental pra sua comemoração não se transformar em uma super dor de cabeça.

      Se o seu orçamento é R$500, por exemplo, não tem sentido você querer fechar com um fornecedor de decoração que custa R$450. O trabalho dele pode ser incrível mas não vai sobrar nada para o resto da sua festa.

      Tenha sempre os pés no chão, dentro da sua realidade.

      No próximo post vou dar dicas de como economizar ♥

      Ps: caso queira ser parceiro no #chaversário entre em contato pelo email daicravo@gmail.com que explico direitinho sem compromisso!

      Gostou? Compartilhe:

        Dicas, Youtube

        TOP 5: Meus canais preferidos ♥

        Acho que nunca contei aqui pra vocês quais são os meus canais do Youtube preferidos né?

        Por mais que eu me pegue as vezes vendo vídeo que nem sei de onde surgiu (hahaha) tem os canais que eu vejo sempre, todos os dias e adoro!

        Será que algum é o seu preferido também?

        1- Dario: eu não faço a menor ideia de como fui parar a primeira vez no canal do Dario mas sei que desde então não parei de assistir. Os vídeos são sempre bem simples, caseiros e é justamente isso que mais gosto.

        2- Bianca Oliveira: Confesso que só assisto os vlogs e AMO! A Bianca é aquele tipo de youtuber mega raro: faz faculdade, mora sozinha, cuida da casa, estudos, cachorros, namorado e profissão. Pelos vlogs da pra ver como o dia a dia dela é corrido e ela nunca desanima. É um tapa na cara das youtubers que “não fazem nada” além de ser youtuber.

        3- Bruna Paula: é o antigo canal “Casando aos Dezoito”. Sou fã da Bruna, da simplicidade, dos vídeos, dos temas, do dia a dia. Vale muito a pena principalmente pra quem quer ter inspiração de como arrumar casa, organizar a vida, etc… Outra boa dica é seguir a Bruna no stories, morro de rir! haha

        4- Danielle Noce: Por incrível que pareça eu não ligo e nunca aprendi nenhuma receita com a Dani haha a minha diversão é ver o “Bigode na Cozinha” e ficar babando nos vlogs de viagem. Vale MUITO MUITO MUITO a pena. A Dani e o Paulo são incríveis.

        5- Travel and Share: Acho que ultimamente é o meu canal preferido! Não perco um vídeo e ainda assisto os vídeos antigos, da época que eu ainda não conhecia. O Rômulo e a Mi viajam o mundo em um motor home, a Galega. Eles fazem isso com tanta naturalidade, simplicidade e alegria que é impossível não virar fã.

        Gostaram?

        Quais os canais que você sempre assiste?

        Gostou? Compartilhe:

          Dicas, Dona de Casa, Receitas, vídeo

          #tpmindica – 4 canais sobre casa e dia-a-dia de gente como a gente que vale a pena acompanhar

          Oi, lindezas! Tudo bem com vocês? Hoje eu venho com um post um pouquinho diferente do que fazemos por aqui.

          Como vocês sabem, estou entrando em uma nova fase da vida, casando, tendo meu próprio cantinho e confesso que isso tem feito meus interesses pelos canais do YouTube mudarem bastante. Ainda assisto sim algumas meninas de beleza e maquiagem, mas o que eu mais tenho assistido são canais com coisas do dia-a-dia, receitinhas, dicas pra dona de casa e o principal: de gente como a gente, vida real mesmo, sabem? Sem mansão, milhares de dólares na conta ou empregada todo dia.

          Aí como sei que muitas de vocês também estão passando por esse momento de transição, resolvi compartilhar aqui no blog 4 canais que sempre que tem vídeo novo já tô lá assistindo.

          Vamos lá? Vou começar por ordem de quem eu conheci primeiro:

          Lar Doce Ana: O canal da Ana foi uma descoberta muito feliz! Digo isso porque estudamos juntas por um tempo na época que morei em São José dos Campos. Ela estava um ano atrás de mim e nos conhecíamos de vista. Até que um dia vi uma amiga nossa em comum compartilhando o link do blog dela e foi assim que comecei a acompanhar, se não me engano em 2015. Na época o canal era voltado para casamento e agora, depois de casada, ela compartilha a rotina da vida de uma recém-casada. Adoro todos os vlogs que ela posta, porque é dia-a-dia de gente de verdade, sabem? E acho que é isso que realmente anda faltando hoje em dia. {Acesse o canal da Ana clicando aqui}

          Casando aos Dezoito: Conheci a Bruna através da Dai que sempre me falou que adorava os vídeos dela, quando comecei a assistir não consegui mais parar. A Bruna se casou bem novinha, com 18 anos e por isso o canal leva esse nome. Ela posta seu dia-a-dia, rotina de dona de casa, receitinhas, comprinhas e tudo desse universo de casada. Assim como a Ana, ela também faz vlogs que mostram a vida de pessoas comuns, como nós. Adoro a simplicidade e alegria que ela transmite nos vídeos. {Acesse o canal da Bruna clicando aqui}

          Lar Possível: Conheci a Elisa no final do ano passado e desde então não larguei mais. A Elisa dá várias dicas de organização, planejamento e até finanças. Também tem tudo sobre a reforma do apê, tour e desafios que ela se propõe a fazer para economizar mais e parar de acumular coisas. Acho a Elisa bem prática, não fica enrolando pra ir direto a informação e compartilha tudo que pode. Não perco um vídeo!! {Assista o canal da Elisa clicando aqui}

          Mãe, Casei: Também comecei a acompanhar a Ana no final do ano passado. Ela dá várias dicas de organização, receitinhas, gosta de coisas fofas e também faz vlogs de rotina e mercado. Resumindo, tudo que eu tenho adorado assistir ultimamente hahahaha. {Assista o canal da Ana clicando aqui}

          E são esses os 4 canais que resolvi dividir com vocês hoje. Se vocês tiverem mais algum nessa pegada, me passem :D, tô amando conhecer pessoas novas.

          Espero que tenham gostado das indicações. ♥

          Beijoss

          Gostou? Compartilhe: