bla bla bla, Textos

Obrigada por tudo, 2016!

12519179_1509572266012341_1804847342_n

Seria muito mais fácil fazer um post dizendo o quanto 2016 foi um ano difícil pra todos nós, seja profissionalmente, pessoalmente, financeiramente ou tudo junto e misturado. Mas eu resolvi fazer diferente, porque 2016 me ensinou um bocado de coisas e, no final das contas, é isso que faz a vida valer a pena.
Que graça teria se tudo fosse fácil? Se não existissem os momentos difíceis pra gente aprender a valorizar ainda mais os dias felizes? Meu ano não está terminando como planejado, meu noivo acabou de sofrer um acidente de moto e quebrou a clavícula, a recuperação não é fácil, mas confesso pra vocês que tem sido uma grande fase de aprendizados, de companheirismo, de amor e o mais importante: de gratidão pela vida.

2016 aumentou a minha diante das dificuldades, me mostrou que sempre existe uma luz, mesmo quando a gente acredita que não. E acredite, ter fé é uma das coisas mais importantes da vida. E isso não tem nada a ver com religião.
2016 me ensinou a valorizar ainda mais as verdadeiras amizades, aquelas que estão ao seu lado para realmente o que der e vier. Aquele tipo de amizade que você nem sabe como agradecer.
2016 me trouxe coragem, desde as pequenas coisas bobas do dia-a-dia, até para encarar desafios que a ansiedade muitas vezes queria me frear.
E falando em ansiedade, 2016 foi uma daquelas provas da faculdade que a gente torce pra conseguir tirar pelo menos 5 e no final se surpreende com seu desempenho e vocês não fazem ideia do quanto isso me deixa feliz.
Feliz e orgulhosa, porque 2016 me provou que eu posso sim aprender a lidar com meus medos e me abrir pro novo. Que procurar ajuda não é vergonha nenhuma e que admitir pra si mesmo um problema é o primeiro passo para encontrar a solução.

Menos desespero. Mais paciência. Menos rancor. Mais empatia.

2016 não foi o melhor ano da minha vida, mas também não considero o pior. Aprendi tanto, que seria injusto dar para ele esse fardo. Afinal, nós ainda continuamos sendo responsáveis por aquilo que colhemos. Já parou pra pensar no que foi que você plantou no passado? Se foi só o bem, não se preocupe, no meio de tantas pedras no caminho, você também irá encontrar inúmeras flores coloridas para colher.

E é justamente isso que eu desejo pra vocês nesse novo ano: um jardim imenso e colorido. Acredite: dias, meses e anos melhores virão!

Agora, antes de me despedir, quero que vocês também pensem em tudo que esse ano ensinou. Afinal, foram 365 dias e é impossível que em pelo menos um deles você não tenha sido feliz.

Reclamar menos. Agradecer mais.

FELIZ ANO NOVO!

Um grande beijo,
Mari

Comments

comments

Gostou? Compartilhe:
    • rudynalvacorreiasoares

      Mari e Dai!
      Linda mensagem, obrigada!
      “Não existem sonhos impossíveis para aqueles que realmente acreditam que o poder realizador reside no interior de cada ser humano. Sempre que alguém descobre esse poder, algo antes considerado impossível, se torna realidade.” (Albert Einstein)
      FELIZ 2017!
      cheirinhos
      Rudy
      http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/