Superação

Superação II – Por Ana Luisa

A história de superação de hoje é da leitora Ana Luisa, 22 anos, de Recife. Adorei o desabafo dela e estou muito feliz com a aceitação de vocês nessa nova tag do blog 🙂

Quais são os padrões expostos na nossa sociedade? Será que ser gorda, magra, ter nariz grande, ser alta, baixa faz você ser o que é??
Passei por muitas dificuldades quando era criança, me chamavam de Olivia Palito e com todos os apelidos que crianças colocam nas outras me deram um certo trauma de usar saia, short, vestido.
Pois bem, usava sutiã de bojo pra aparentar que meu peito era maior e calça jeans era meu companheiro tanto em casa, tanto na rua. Tá certo que pra mim isso não era uma maravilha porque não era não. Contudo, com o passar do tempo passei a me ver mais e perceber que apelidos de crianças todos nós temos e que eu posso até ter pernas finas, pouco peito, mas sou feliz do jeito que sou.
Eu sei que a mídia cotidianamente que a beleza perfeita se refere, a um corpo saudável ,a boa alimentação ,aos exercícios físicos entre outros, evidentemente que tudo isso tem um preço e que nem todos podem pagar. Mas será que tudo isso tras felicidade mesmo? Acho que não, felicidade não se resume bascimente a estética mas sim a personalidade, ao que passa no contidiano daquela determinada pessoa. Hoje eu sou uma pessoa feliz com meu corpo e me aceito do jeito que sou, afinal tantas meninas queriam ter o que eu tenho e vou sofrer é?
Eu tenho é mais que agradecer a Jesus Cristo por essa benção e é com isso que eu sou essa magra, mas feliz. Sou uma menina que vai pro rodizio de carne pra comer e ficar feliz por que não vai chegar em casa e pensar no regime de amanhã. Hoje eu vivo o meu eu, uso meu short d amoda, minha saia cintura alta e sou feliz com minhas pernas finas.
O certo devia todo mundo se aceitar e ser feliz com o teu e agradecer ao nosso papai do céu por mais um dia de vida.

Quem quiser ter sua história publicada aqui no blog é só enviar um email para tpmmoderna@gmail.com com o assunto Superação contando sua história de superação 🙂

Comments

comments

Gostou? Compartilhe: